sexta-feira, 18 de novembro de 2011

Poncho de tecido (lã)... e 1 foto antiga

Desta vez fiz um poncho, coisa mais simples não há!
 Há dias fui à baixa e, no comércio tradicional,
encontrei à venda uns retalhos quentes.
Deitei logo a mão a 3 para, com eles, fazer 3 ponchos. 
Cada retalho 3 euros...
Neste abri um buraco e cortei à frente, debruei com lã, 
 dobrando meio cm mesmo com a unha e usando ponto baixo,
como nos cobertores antigos.
Coloquei uma aselha e um botão velho
encontrado na caixa destas relíquias
e agora é só levá-lo para Quiaios, para usar à beira mar,
por cima do fato de treino, nas caminhadas de inverno. 
 Não tem nada de especial e é facílimo!
Mesmo assim coloco aqui a receita, 
para quem quiser fazer um, sem ter trabalho com medidas. 
Ah! O meu marido também ajudou:
foi ele que desfiou  os fios castanhos da franja!  

Nas arrumações, encontrei esta foto que, há algum tempo,
trouxe dos Açores:
Eu, je, I, ich... quando era atriz de teatro!...
A peça chamava-se "Senhor Arnolf
e foi ensaiada pela minha Tia e Madrinha Cremilde, 
que foi uma competente, divertida e dinâmica professora do antigo ensino primário 
(hoje 1º ciclo do ensino básico).
A peça durava poucos minutos,
mas era muito engraçada e fez sucesso
em todas as minhas representações. 
O senhor Arnolf costumava ser o meu irmão Hugo,
4 anos mais velho do que eu,
mas quando tinha a agenda preenchida,
era substituído por outro ator, como desta vez!...
Que saudades!...

Abraços e obrigada por espreitarem o meu blog!

12 comentários:

  1. Olá Teresinha,

    você é super jeitosa com idéias, não me esqueço de sua roupa de dormir quando passou fora de casa e a esqueceu! Este poncho ficou muito bem feito e bonito também, e a franja que leva-se um tempão pra fazer enfeitou um bocado, o maridão tem lá suas qualidades artesãs heim? Parabéns querida, um tranquilo fim de semana com os seus.

    P.S.: está ótima de cabelos um pouco mais curtos na foto do seu perfil e quando bailava, mais jovem, uma belezinha!

    Beijão,
    Lu

    ResponderEliminar
  2. Oi Teresinha!
    Voce é muito criativas e esse poncho deve ser bem quentinho.
    Nós estamos quase entrando no verão,ao contrário de voces,então estou providenciando roupas fresquinhas.
    Voce já era talentosa desde criança hem amiga.
    Beijinhos da Quinha

    ResponderEliminar
  3. Olá Teresinha!
    Adorei a sua ideia... ficamos com uma peça bonita, quentinha e o mais importante nos tempos que correm, baratinha. Parabéns pelo seu talento.
    Beijinhos
    Linda

    ResponderEliminar
  4. Parabéns pela magnifica.
    Bom fim de semana.
    Bjs

    ResponderEliminar
  5. Teresinha, que poncho tão bonito! É assim tão rápido e fácil? Vou ter que me resolver a fazer um, sem dúvida.
    Que bom é recordar, e logo a infancia, não é?
    Beijinhos e bom fim de semana.

    ResponderEliminar
  6. Oii, querida !!!

    Que lindo o tecido do teu poncho e com um detalhe que eu adoro: precinho bão a beça.hehehe Sou adepta da relação custo-benefício.

    Amei a foto do teatro...esses momentos são tão especiais,né...não tem preço.

    E de quebra achei muita graça nos "teus idiomas"...adoooro !!! hehehe

    Bom findi

    Beijinhos

    Ana

    ResponderEliminar
  7. Olá Teresinha!
    Das suas mãos só saem coisas lindas e perfeitas.
    Passei de fugida pois os meus presépios ainda não me deram descanso...eheheheheh
    Bj
    Milai

    ResponderEliminar
  8. Olá Teresinha

    Que boa ideia! E por tão pouco dinheiro ficou com uma peça maravilhosa.
    Mas tenho uma dúvida: como fez para ter franja? Já vinha no tecido? ou desfiou o tecido?

    Manuela

    ResponderEliminar
  9. Teresinha, ganhou-se uma mãe, dona-de-casa insuperável, artesã sem par, mas Hollywood perdeu uma estrela!
    Está engraçadíssima esta foto.

    O poncho, muito, mas muito giro.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  10. Este Teresa é mesmo lindo temos que combinar para fazer um parecido
    Bjs
    Cristela

    ResponderEliminar
  11. Olá :)
    Espero que me consiga ainda responder a duas questões.

    Por que razão o comprimento atrás é maior do que à frente? Não é suposto ficar do mesmo tamanho? Ou é só uma questão de gosto?

    Será que o debruado pode ser feito à máquina? Acha que ficará bem ou o tecido de lã é muito grosso para tal? Não sei costurar à mão :(

    Obrigada!



    ResponderEliminar
  12. Poncho é o traje típico do gaúcho, região onde moro no sul do Brasil, encostado da Argentina!
    Beijo!

    ResponderEliminar

Gosto muito de ler os comentários, por isso, se gostou do que viu, pode deixar a sua opinião!
Tenha um dia feliz... com muita saúde!