sábado, 21 de março de 2015

Como fazer uma costura tombada ou costura inglesa...

Como ando na maré dos retalhos, lembrei-me que ainda não tinha visto por aqui, pela net, uma união de tecidos como aprendi a fazer com a minha saudosa mãe.
Ver, vi... mas eu faço melhor e mais depressa!!!... HEM???
Andei pelo youtube, vi várias dicas, mas confesso que todas as que vi, em aulas de longos minutos... não são tão simples como a que hoje irei mostrar... quiçá ensinar!
Acho que poderei dispensar palavras, pois as fotos ilustram com alguma precisão a fácil técnica desta costura feita com apenas dois pespontos.
Que me desculpem as já conhecedoras desta matéria!...
 Estando o tecido bem cortado, faz-se o vinco com a unha do polegar e pesponta-se bem rente, como mostro.
 Afastam-se os tecidos e tomba-se, neste exemplo, o xadrez para cima do escuro, vincando com a unha ou com o ferro... 
 ... antes de passar o 2º. pesponto.
 Fica assim dum lado, se gostar será o lado direito...
 ... e assim, pelo avesso. 
Se preferisse usar este lado como o direito, teria invertido a face do tecido escuro, no início.
Eu usei muito esta costura nas roupinhas que fiz para os meus bebés... nos pijamas, nas blusinhas... em tudo o que não era para chulear, para tornar mais confortável o avesso das peças.
Esta costura foi feita durante 1 minuto! 
Levei mais tempo a fotografá-la e agora a escrever o texto,
O romance sobre a costura inglesa... 

Quem já conhecia isto, riu-se... e não chegou a ler até aqui!!!
Quem não conhecia e gostou de aprender... dá-me uma grande alegria 
e, então, se comentar... nem imagina!!!
Quem detesta costurar... espreite o meu outro blogue!!!
UM ABRAÇO

13 comentários:

  1. Boa Teresinha, essas costuras eu gosto de fazer, fica a peça
    com o avesso muito bonito, gostei, beijo amiga

    ResponderEliminar
  2. Muito bem, fácil e fica um trabalho perfeito. gostei e aprendi. Obrigada.
    Sou a Guida e passo por aqui de vez em quando. Parabéns.

    ResponderEliminar
  3. Querida Teresinha
    Eu nada entendo de costura mas sou curiosa por natureza
    Cheguei até o final só para ver como é que se faz
    Fazer é outra história rsrs
    Gostei de conhecer o seu trabalho perfeito
    Um ótimo domingo
    Beijos

    ResponderEliminar
  4. Obrigada Teresinha. É uma professora excelente e generosa.
    Carolina

    ResponderEliminar
  5. Teresinha, obrigada pela aula....faço essa costura em algumas situações como quando faço um lençol com barrado diferente....Fica muito bem....uma grande semana para si e sua família......abraços....

    ResponderEliminar
  6. É verdade, Teresinha, essa costura inglesa faz um ótimo arremate também nas camisas masculinas...
    Grande abraço!
    Teresa

    ResponderEliminar
  7. Teresinha a manta ficou linda, tal como qualquer trabalho que saia das suas mãos.
    Um beijinho grande

    ResponderEliminar
  8. Teresinha...uma bela dica...de alguém que domina a arte de bem costurar!
    Um dia...que tenha mais tempo...havemos de trocar ideias sobre costura!
    Este semana se der tomamos um café...talvez na quarta às dez e meia!
    Bj amigo

    ResponderEliminar
  9. Olá, obrigada pela visita.

    Aqui estão os meus bordados:

    https://ninhoprimitivo.wordpress.com/

    E, aqui varias ideias que, realizo:

    http://pensamentosoft.blogspot.pt/

    bj.

    ResponderEliminar
  10. Muito obrigada Teresinha, por mais este ensinamento, ou por me reavivar a memória!
    Penso que era assim, que a minha querida mãe fazia as bainhas em sacos.
    Um beijinho, e bem haja.

    ResponderEliminar
  11. Obrigada pela forma de fazer essas bainhas, bem ilustrado
    beijinhos
    Aldora

    ResponderEliminar
  12. Muito bom, Terezinha.
    E a costura fica muito bonita, como de alfaiataria.
    Gostei do teu PAP...faça mais, sempre ajudam.

    Agradeço por compartilhar, achei muito prático o seu jeito.
    Parabéns.

    Bjs

    ResponderEliminar
  13. Merçi des bonnes explications biz Marie-Claire

    ResponderEliminar

Gosto muito de ler os comentários, por isso, se gostou do que viu, pode deixar a sua opinião!
Tenha um dia feliz... com muita saúde!