segunda-feira, 15 de dezembro de 2014

Caril de camarão

Para mim, este é o caril mais fácil de cozinhar e fica ótimo.
Cresci sem conhecer este sabor, lá em casa. 
De certeza a minha mãe não gostava!...
Aprendi a gostar quando vivi em Moçambique e foi lá que aprendi a cozinhá-lo de várias formas; esta será a mais simples. O tempero principal - mistura de especiarias - era empacotado no mercado pelo indiano, de acordo com o nosso pedido.
"Quer muito ou pouco picante?"
No início eu pedia timidamente "assim-assim"... mas com o tempo passei a pedir o picante!...
Segue a receita deste dia... pois nunca faço igual. Não deitei azeite. Fiz como em Moçambique e até devia ter sido óleo de palma, mas não tinha em casa.
Depois juntei os temperos que mostro a seguir:
A colher que mostro é de café... só a de pau é maior!
Usei coco ralado, mas às vezes faço com amendoim triturado
Para ficar melhor os camarões devem ser crus, mas só tinha estes em casa, já cozidos.
Deixa-se apurar.
Em África o caril era sempre servido com arroz branco cozido em abundante água e depois escorrido, mas nós gostamos mais assim... igualmente branco e solto, mas com mais sabor.
Quem viveu em África vai gostar de recordar esta receita muito usual naquelas terras.
Entre muitas outras coisas, de Moçambique trouxe o gosto pela comida exótica e picante,
além das saudades da linda cidade de Lourenço Marques, das belas praias e dos bons amigos com quem convivi e ainda convivo quando nos encontramos por cá.
Fui casar-me lá e de lá trouxe, ao fim de 7 maravilhosos anos, os meus dois filhos mais velhos... 
que também gostam muito de caril de camarão!...
UM ABRAÇO

19 comentários:

  1. Caramba, nem provei e tenho a lingua a arder...
    Nunca estive em Africa mas conheci gentes, ca, de la.
    Amigos indianos (portugueses) vindos de Mocambique com quem partilhei belos petiscos, todos a puxar ao picante.
    Chacuti de galinha, acho que chicharro recheado e atado com linhas, tudo a "escaldar" e no fim o sagrado bocado de bebinca.
    Eu adoro caril, mas...
    (Desculpe o palavrao, que se lixe, se ela nao gosta, vou fazer para mim e quem sabe se nao vai ficar viciada...).
    Beijinho grande, amiga!
    E se houver umas boas lapas de entrada, Feliz Natal!

    ResponderEliminar
  2. A cultura indiana é bastante apreciada por aqui, sul do Brasil. Gosto de aprender receitas novas e, pelo que percebo, o tempero pode ser utilizado em frutos do mar em geral. Sigo o seu blogue. Um abraço, Yayá.

    ResponderEliminar
  3. Agora fiquei com água na boca... Nunca estive em África e com caril só provei mesmo o frango, coincidência ou não, hoje o almoço na Cantina aqui da Empresa, é frango com caril. E eu gosto, sim, gosto muito. Beijinhos grandes, e quem sabe um dia experimento esta receita.

    ResponderEliminar
  4. Olá amiga..já comia e levo receita pois os ingredientes são bem tropicais como gosto!
    Eu estou no hospital...todos os dias das 3 às 5...piso 6...enfermaria C mas estou a ver se o tempo melhora para lhe ligar e tomarmos um café!
    Bj saudoso!

    ResponderEliminar
  5. OLÁ TERESINHA
    VIM DESEJAR AS BOAS FESTAS E APROVEITAR DAR UMA ESPREITADELA.
    DEPAREI-ME COM UMA RECEITA QUE O MEU MARIDO FAZ VOLTA E VIRA, DE CAMARÃO OU FRANGO.
    ELE FOI CRIADO EM MOÇAMBIQUE E AI QUANDO VOLTA A SAUDADE, FAZ!!!
    TEM ATÉ UM SACO COM OS SEUS TEMPEROS ONDE EU NEM VOU ESPREITAR, SÓ LHE GASTEI O COCO QUE ELE LÁ TINHA UM DESTES DIAS, PARA FAZER BOLINHOS PARA OS NETOS COMEREM AO SERÃO!!!

    1 BEIJINHO AMIGA E BOAS FESTAS!!

    LÍDIA

    ResponderEliminar
  6. Teresinha,

    O carril é o curry, parece. Açafroa, açafrão, talvez. Parece bom. Eu como gengibre puro, de tanto que gosto.

    abraço
    Marcos

    ResponderEliminar
  7. Merci de la bonne recette bonne féte de Noel grosse bises Marie-Claire

    ResponderEliminar
  8. Teresinha, gostei da lição de culinária, não sei se gosto, só experimentando, mas não me estou a ver a fazer, beijo amiga

    ResponderEliminar
  9. Olá Teresinha, este seu caril deve ser uma delícia!!! Obrigada pelas suas dicas culinárias, maravilhosos trabalhos de tricô e pelo seu sorriso alegre.
    Votos de Feliz Natal para si e família.
    Beijinhos,
    Ana Love Craft
    www.lovecraft2012.blogspot.com

    ResponderEliminar
  10. Uma aparência deliciosa. Gosto de pratos bem temperados e moro onde tem muitos frutos do mar. Vou experimentar essa receita. Gostei do modo como você demonstrou o passo a passo, bem prático e eficiente. Estarei em Lisboa dia 25/4, quem sabe tomamos um café. Parece longe o tempo mas passa muito rápido. Bjs
    Joana

    ResponderEliminar
  11. Espetacular, Teresinha!

    FELIZ NATAL!
    Teresa

    ResponderEliminar
  12. Concordo plenamente, tocas mais que 7 instrumentos, mas ao
    dizer 7 quero dizer que sabes fazer tudo, o que comentei quanto
    ao caril, sou completamente ignorante, nunca comi, mas gostei do post, só não sei fazer, não foi nenhuma critica, beijo amiga

    ResponderEliminar
  13. Gosto muito de camarão, mas não costumo usar muitos condimentos. O leite de coco uso sempre assim como o molho de tomate, sua receita deve dar um sabor especial ao camarão.
    Passei aqui para te desejar um Feliz Natal e um Ano Novo ce muita Paz. Felicidades. Francisca.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Francisca (???), como não sei para onde responder, agradeço e retribuo aqui os votos de boas festas.
      Felicidades também para si e gostava que me escrevesse para o meu email, para saber quem é.

      Eliminar
  14. Hummm, já sinto até o cheirinho daqui, que delícia... para a praia é uma ótima pedida, já copiei... beijosss!!!

    ResponderEliminar
  15. Teresinha, Una receita exótica que me deixou com água na boca! Parece irresistível!
    Tenha um santo e iluminado natal! Abraços!

    ResponderEliminar
  16. Teresinha, gosto de camarão, mas já não gosto de caril, nem aprecio comida picante, mas gostei do 'post'. A Teresinha explica tudo muito bem, como fazer.
    Feliz Natal para si e toda a família! E até para o ano!

    ResponderEliminar
  17. Gente... isto deve ser bom demais!!!!!! Hum.... Maldade, Teresinha, vc deixar a gente assim , com tanta água na boca...
    Um abraço!
    Egléa

    ResponderEliminar
  18. Oi Terezinha vim te agradecer pela visita, e dizer que gostei demais do seu cantinho... Quanta coisa boa aqui!
    Obrigada!
    Beijos,
    Mariangela

    ResponderEliminar

Gosto muito de ler os comentários, por isso, se gostou do que viu, pode deixar a sua opinião!
Tenha um dia feliz... com muita saúde!